Pesquisar neste blogue

A carregar...

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Humor nos cuidados de enfermagem


Podíamos ter uma ideia empírica de que sim. Mas agora, há resultados de uma tese de doutoramento que o afirmam: humor ajuda os doentes a superar a dor e melhorar, tal é o título do artigo do JN, alusivo à tese de Helena José, primeira doutorada em Enfermagem da Universidade de Lisboa.

Helena José desenvolveu o tema da sua tese no Hospital Distrital do Barlavento Algarvio, EPE, aí contando com a colaboração dos serviços e profissionais de saúde ligados a especialidades cirúrgicas. Ali convergem doentes com alguma ou muita gravidade, sofrendo de problemas agudos ou crónicos. A dor é a vivência em comum nestes doentes que, no grupo estudado, incluíu também vítimas de queimaduras graves.

Helena José defende que “o humor deve estar integrado na acção profissional do enfermeiro”, porque isso significa uma mais-valia para o doente. “O bom humor faz-nos bem”, afirma, para lembrar que “há já muita evidência científica do efeito do bom humor, por exemplo, pela libertação das endorfinas” (que potenciam a sensação de bem-estar, como parece acontecer quando comemos chocolate).

A tese foi defendida sexta-feira, 30 de Janeiro, e aprovada com distinção e louvor.

Antes deste trabalho, Helena José trabalhara o assunto na tese de Mestradolivro publicado sob o título Humor nos cuidados de enfermagem. Vivências de doentes e enfermeiros, publicado pela Lusodidacta.

Artigo de Lucília Nunes

Site com algum humor sobre enfermeiras.

http://www.realnurse.net/humour/

Sem comentários:

Enviar um comentário

Health Tip of The Day